21 de Setembro a 6 de Janeiro 2009

A exposição “ Estuques no Porto do séc. XX – a Oficina Baganha” é o resultado da colaboração da CRERE com o Museu Nacional de Soares dos Reis na divulgação de um espólio que, sendo propriedade do Museu, foi depositado e tem sido estudado no âmbito do projecto da criação do Museu do Estuque, pela CRERE.

O facto do próprio edifício do museu, o Palácio dos Carrancas, possuir ainda estuques da data da sua construção, atribuídos ao Italiano Chiari, e do seu restauro em 1940, quando das obras de adaptação para instalação do Museu, ter sido feito pela Oficina Baganha, cria mais uma série de motivos de interesse para esta exposição se fazer neste Museu.

Com a colaboração da Área Arqueológica do Freixo e do Museu de Conímbriga, a exposição começa por apresentar alguns exemplares de estuques romanos encontrados em território Português.

A evolução estilística e as questões técnicas completam-se numa visão de elementos fragmentados que nos transportam aos espaços arquitectónicos para que foram pensados.

O contacto com o comportamento dos materiais é mais um aliciante que podemos encontrar num espaço contíguo à exposição, em actividades, nas quais se podem inscrever pessoas de todas as idades em dias e horas anunciados na exposição.